Viagens diferentes no Brasil para fugir da aglomeração no Carnaval

Com a folia cancelada em pelo menos 17 estados, muita gente está buscando opções de viagens diferentes no Brasil para fugir da aglomeração de Carnaval.

Assim, a Vivalá oferece destinos tranquilos e longe do agito da cidade, em que você terá contato com a natureza e culturas da região.

As expedições Chapada dos Veadeiros, Grande Sertão Veredas e Geoparque Seridó no Carnaval são viagens exclusivas, com grupos de menos de 20 pessoas em cada uma.

Além da conexão com a natureza, as expedições contam com o turismo de base comunitária, com muita troca cultural com os locais. 

Dessa forma, além de se divertir, os viajantes podem fazer o bem e ajudar o próximo.

“A maioria dos brasileiros ainda não conhece o Grande Sertão Veredas e o Geoparque Seridó, mas são destinos maravilhosos, com paisagens de tirar o fôlego, muita natureza e cultura, especialmente graças aos povos sertanejos e quilombolas”, explica Daniel Cabrera, cofundador e diretor executivo da Vivalá.

O turismo sustentável faz bem para o turista, mas também para quem os recebe e para o meio ambiente.

Esse tipo de viagem gera impactos positivos tanto na natureza e nas comunidades. Além disso, te leva para um Brasil diferente, abrindo muito sua visão de país e de mundo. 

Conheça os roteiros para fugir da aglomeração no Carnaval 2022.

Todos eles com início na sexta-feira pré-feriado (25/2) e opções de 5 ou 8 dias de duração, ou seja, terminando dia 1º ou 4 de março: 

Fugir da aglomeração na Chapada dos Veadeiros 

aldeia multiétnica, chapada dos veadeiros

A expedição para a Chapada dos Veadeiros (GO) conta com passagem pela Aldeia Multiétnica e, portanto, um profundo contato com a cultura indígena.

Da mesma forma, passa ainda pela comunidade espiritualista Cidade da Fraternidade, na zona rural.

No Parque da Chapada dos Veadeiros, por exemplo, o turista acessa um cenário incrível e dezenas de cachoeiras e cânions.

Nesta expedição, o viajante irá comer pratos típicos da região, assim como curtir algumas das trilhas e cachoeiras mais lindas do Brasil.

O ponto de encontro do grupo é em Brasília (DF).

Veja como foi a Expedição Chapada dos Veadeiros em novembro de 2021.

Fugir da aglomeração no Grande Sertão Veredas

grande sertão veredas

Essa expedição tem como destino o norte de Minas Gerais, entre Goiás e a Bahia, no município de Chapada Gaúcha (MG).

Esta é uma ótima opção para mergulhar nas culturas sertaneja e quilombola, que muitas vezes os brasileiros não têm acesso.

A expedição te leva ao sertão mineiro, conhecendo sua linda cultura e riqueza natural, tais como cânions, cachoeiras, rios e montanhas.

Assim como na Expedição Chapada dos Veadeiros, o ponto de encontro é em Brasília (DF).

Logo após todos se reunirem, seguirão para o município de Chapada Gaúcha, onde fica o Parque Nacional Grande Sertão Veredas. 

Refazendo os passos do escritor João Guimarães Rosa, o viajante se sentirá, assim, dentro do clássico “Grande Sertão Veredas”.

O destino irá encher sua memória com sons e gostos, através de aulas de percussão, cantos tradicionais, dança de roda com o grupo Maria Di Pintado e refeições típicas.

Outro ponto alto do roteiro são as noites dentro de geodésicas nas comunidades quilombolas.

Fugir da aglomeração no Geoparque Seridó 

geoparque seridó

Um território de 2.800 quilômetros quadrados no semiárido nordestino, que abrange 6 cidades no Rio Grande do Norte (RN).

Quem escolher o Geoparque Seridó como destino irá viver uma experiência na cultura sertaneja nordestina.

O viajante poderá degustar doces típicos da região, fazer trilhas, conhecer artistas locais, além de fazer meditação sobre a montanha e até uma aula de kung fu para iniciantes.

Para a facilitadora da Vivalá nesta expedição, Janaina Medeiros, quem escolher o Geoparque terá a oportunidade de conhecer o dia-a-dia das comunidades.

“Será uma experiência para vivenciar o que o Geoparque Seridó tem de melhor a oferecer, uma beleza e uma importância única em sua geodiversidade, mas também um povo acolhedor, que vai contar suas histórias através de suas artes e gastronomia”, afirma. 

O trabalho de facilitador

Em todos os destinos da Vivalá, os viajantes estarão sempre acompanhados de guias e um facilitador.

Quem escolher o Geoparque Seridó como destino, por exemplo, contará com a companhia da Janaína.

“Confesso que me apaixonei de cara por todo o trabalho e o que representa a Vivalá. Meu trabalho será como líder durante toda a viagem. Estarei todo o tempo todo junto aos viajantes, para que a gente ofereça um trabalho de qualidade, que fará com que todos conheçam o Geoparque Seridó e seus encantos”, explica Janaína.

Expedições no Carnaval 

A Vivalá trabalha em 7 destinos no Brasil:

  • Rio Negro (AM), Floresta Nacional dos Tapajós e Alter do Chão (PA) e Aldeia Shanenawá (AC), na Amazônia;
  • Chapada dos Veadeiros (GO) e Grande Sertão Veredas (MG), no cerrado;
  • Chapada Diamantina (BA) e o Geoparque Seridó (RN), na caatinga.

Os preços variam entre R$ 2.050 a R$ 4.800, a depender do destino, data e duração.

Todas as expedições podem ser parceladas em até 8x sem juros no cartão.

O valor inclui:

  • Todos os transportes a partir do ponto de encontro;
  • Hospedagens;
  • Quase todas as refeições;
  • Todas as atrações;
  • Seguro-viagem;
  • Kit viajante;
  • Guias locais e facilitador Vivalá.

Para conhecer as expedições no detalhe acesse o calendário de expedições.

Cuidados

Todos os participantes da viagem devem apresentar comprovante de vacinação contra a COVID-19.

Além disso, ao longo de toda a viagem também há máscaras e álcool para reforçar a prevenção.

Além disso, os cuidados estão redobrados na alimentação e limpeza das hospedagens.

São recomendados, por fim, testes para a COVID-19 antes e depois da viagem.

Faça uma viagem com propósito para fugir da aglomeração no carnaval com a Vivalá!

One response to “Viagens diferentes no Brasil para fugir da aglomeração no Carnaval

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *